Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

girl on film

15
Mai13

Um filme, uma Mulher. Por Tiago Resende








FilmeMamma Roma. MulherMamma Roma.

"Um Filme, Uma Mulher" não é escolha nada fácil e justa. Poderia falar de uma Joan Crawford, Bette Davis, Greta Garbo ou de uma Elizabeth Taylor. Mas falo de Anna Magnani, uma diva do cinema italiano, uma verdadeira "Mamma Roma" (uma mãe de Roma).
Depois de Roma, Cidade Aberta (1945), de Rossellini, em que Anna Magnani (a heroína trágica) corria para a morte, gritando pelo seu namorado Francesco, Magnani ficou consagrada mundialmente como uma atriz de um enorme talento. Com um cabelo negro e forte era uma mulher de grande expressividade facial e possuía uma forte personalidade.
Em Mamma Roma (1962), de Pier Paolo Pasolini, Magnani é Mamma Roma, uma prostituta que tenta mudar a sua vida, passando a imagem de uma boa mulher, para poder viver com o seu único filho, Ettore. A tarefa é árdua para esta corajosa mãe que se sacrifica para dar um bom futuro ao seu filho, que não parece nada preocupado, pelo contrário, é desinteressado em estudar e escolhe más companhias. O amor desta mãe é gigante. Anna Magnani é apaixonante!




1 comentário

Comentar post

Contacto

Sofia Santos: agirlonfilm@sapo.pt // blog.girl.on.film@gmail.com

Pesquisar

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Comentários recentes

feira das vaidades

planeta pop + girl on film

Soundtrack by Girl On Film on Mixcloud

A outra casa

Em destaque no SAPO Blogs
pub