Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

girl on film

04
Mai15

Lost River | Ryan Gosling. 2014

Título em Portugal: -
Data de estreia: - 
















Com Lost River, Ryan Gosling faz a sua estreia no mundo da realização. Do elenco do filme fazem parte Christina HendricksIain De CaesteckerSaoirse Ronan, Ben Mendelsohn, Eva Mendes e Matt Smith. Lost River conta a história de uma família pobre que tenta arranjar dinheiro suficiente para manter a hipoteca sobre a casa da família, localizada numa cidade à beira da destruição. 

Espelho da Detroit actual (e onde aconteceram as filmagens), a cidade outrora próspera de Lost River transformou-se – devido à crise económica - num terreno baldio e surreal. Billy (Christina Hendricks) desesperada por evitar perder a casa e sair da cidade, aceita uma oferta de emprego do misterioso Dave (Ben Mendelsohn), enquanto que o seu filho Bones (Iain De Caestecker) rouba cobre e itens de valor das casas abandonadas. Pela cidade circula ainda Bully (Matt Smith), o auto-proclamado "Rei de Lost River" que não tolera a ideia de que Bones ande a roubar o que é dele e que se tornará um perigoso e louco inimigo do jovem Bones. 
























O argumento de Lost River é verdadeiramente simples mas no que diz respeito ao estilo e estética, o filme de Gosling mostra claramente a influência de Nicolas Winding Refn, com quota-parte de influências de David Lynch, Terrence Malick e Harmony Korine. A inspiração do autor do filme nestes nomes mais experientes funciona bem num primeiro olhar, mas funciona excepcionalmente bem quando contemplamos as slow motion (e muito bem filmadas) de um subúrbio decadente, aterrorizador, deserto e fatal. Lost River é uma miscelânea de ideias e de emoções que apesar de não desenvolver escrupulosamente nenhuma destas características, consegue transformar-se num exercício clássico em que o estilo sobressai perante a substância. O actor/realizador sabe o que está a fazer. Este filme será para a grande maioria dos espectadores pretensioso, mas para uma minoria será um exercício de sofisticação visual digna e competente. 

Em Lost River, o estilo vence a substância. As cores, as luzes, os néons, os cenários dantescos não escondem o fraco argumento, mas nem sequer tentam fazê-lo. Gosling foi corajoso ao criar um filme profundamente esquizofrénico, alucinogéno e triste (no bom sentido). É um filme imperfeito, experimental, mas alicerçado em performances emocionantes, em detalhes estéticos requintados e é sobretudo feito com paixão e bom gosto. 

Nota:


Contacto

Sofia Santos: agirlonfilm@sapo.pt // blog.girl.on.film@gmail.com

Pesquisar

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Comentários recentes

feira das vaidades

planeta pop + girl on film

Soundtrack by Girl On Film on Mixcloud

A outra casa

Em destaque no SAPO Blogs
pub